Agbook

EXCURSUS

DOS DIÁLOGOS DE PLATÃO

Por: ADEILSON NOGUEIRA

As Leis de Platão são essencialmente gregas: ao contrário da Cyropaedia de Xenofonte, elas não contêm nada de estrangeiro ou oriental. Seu objetivo é reconstruir a obra dos grandes legisladores da Hellas em uma forma literária. Eles participam tanto de um ateniense e um espartano caráter. Alguns deles também são derivados de Creta, e são devidamente transferidos para uma colônia de Creta. Mas de Creta tão pouco nos é conhecido que, embora, como Montesquieu (Esprit des Lois) observa, "as Leis de Creta são o original das de Esparta e as Leis de Platão a correção destes últimos," há apenas um Ponto, viz. As refeições comuns, em que eles podem ser comparados. A maioria das disposições de Platão se assemelha às leis e costumes que prevaleceram nesses três estados (especialmente nos dois primeiros), e que o instinto personificante dos gregos atribuía a Minos, Licurgo e Solão. Muito poucos detalhes podem ter sido tomados de Zaleucus (Cic. De Legibus), e Charondas, que se diz ter feito leis contra perjúrio primeiro (Arist. Pol.) E ter proibido crédito (Stob Florileg., Gaisford). Algumas leis são próprias de Platão, e foram sugeridas por sua experiência de defeitos nos estados atenienses e outros estados gregos. As leis também contêm muitas provisões menores, que não são encontradas nos códigos ordinários das nações, porque não podem ser definidas corretamente, e são consequentemente deixadas melhor ao costume e ao senso comum. "A maior parte da obra", como observa Aristóteles (Pol.), "É retomada com leis"; contudo, isso não é inteiramente verdadeiro, e se aplica a estes últimos, e não à primeira metade. O livro repousa sobre um fundamento ético e religioso: as leis atuais começam com um hino de louvor em honra da alma. E a mesma aspiração sublime do bem é perpetuamente recorrente, especialmente nos Livros X, XI, XII, e sempre que a mente de Platão está cheia de seus temas mais elevados. Em prefixar a maioria de suas leis um prooemium tem dois fins na vista, persuadir e ameaçar também. Devem ter a sanção das leis e o efeito dos sermões. E o Livro de Leis de Platão, se descrito na linguagem da filosofia moderna, pode ser considerado um tratado tanto ético quanto educacional, como político ou jurídico.

Impresso
R$ 117,31

Ebook (PDF)
R$ 44,13

Tema: Filosofia, Hermenêutica, Mensagens, Bem & Mal, Ética E Filosofia Moral, Metafísica Palavras-chave: filosofia, platÃo

Características

Número de páginas: 465
Edição: 1(2017)
Formato: A4 210x297
Tipo de papel: Offset 75g

Livros com menos de 70 páginas são grampeados; livros com 70 ou mais páginas tem lombada quadrada; livros com 80 ou mais páginas tem texto na lombada.



Personalizar acabamento
Para comprar cópias com opções de acabamento diferentes entre si, é necessário adicionar uma versão de cada vez ao carrinho.

Comentários (0 comentários)

Deixe seu comentário:

Nome

Email (não será publicado na página)

Comentário

SEGURANÇA

Selo_norton

FORMAS DE PAGAMENTO

Boleto Bancário Itaú Transferência online Banco do Brasil Transferência online Bradesco Transferência online Itaú Cartão Visa Cartão MasterCard Cartão American Express Cartão Diners Cartão Hipercard
Todo o conteúdo dos livros é de exclusiva responsabilidade de seus autores, sem nenhum tipo de responsabilidade editorial da AgBook, responsável unicamente pela comercialização e entrega.