Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.
ACEITO

Agbook

A Intervenção do Estado no Domínio Econômico Privado por meio da Lei de Recuperação de Empresas e Falência - Lei nº 11.101 de 9 de fevereiro de 2005

Por: Juliana Maria Rocha Pinheiro Bezerra da Silva

A obra trata da análise dos elementos da Ordem Constitucional na Constituição Federal de 1988, com ênfase nos princípios norteadores desta, em um estudo sobre a intervenção do Estado na iniciativa privada por meio da Lei de Recuperação de Empresas e Falências (lei 11.101/05), bem como aspectos relacionados à crise da COVID 19 e flexibilização das exigências para requerer a Recuperação da Empresa. Acerca do assunto, admite-se nova visão empresarial, sobretudo na interdependência entre fatores econômicos e sociais. Na obra, verificar-se-á estudo sobre a globalização e a interdependência das ciências econômicas e jurídicas na construção de uma ótica jurídica pautada na busca pelo desenvolvimento econômico e social, com o reconhecimento da interferência da Economia no Direito e sua importância ímpar. Ainda, delineia-se a intervenção estatal no âmbito econômico, de empresa e na recuperação judicial, bem como os reflexos de tal intervenção nos créditos envolvidos na Recuperação Judicial e patrimônio do devedor recuperando. Para tal tarefa, foram analisados os elementos da Recuperação Judicial, seus princípios e adequação à Ordem econômica nacional, descrevendo o procedimento formal para concessão do benefício da Recuperação Judicial e os princípios nela existentes. As formas de intervenção do Estado na economia privada não foi desconsiderado, explicitando sua atuação direta e indireta como meio de preservação de interesses insculpidos no âmbito constitucional - notadamenteo interesse público e a preservação da Ordem econômica Nacional. As agências reguladoras, como meio de intervenção estatal direta, não foram desconsideradas, também sendo tratadas pela autora.

Nesse livro, houve preocupação de realizar-se incursões no direito comparado, para entender-se a influência no Instituto recuperacional brasileiro.

Uma obra que, sem dúvidas, auxiliará aos profissionais do Direito a compreenderem a importância da Lei nº 11.101 de 2005 para a economia nacional.

Selos de reconhecimento

Impresso
R$ 53,47

Tema: Falência, Direito Empresarial, Direito Administrativo E Prática Regulatória, Economia, Direito Palavras-chave: de, direito, empresas, estatal, falimentar, intervenção, recuperação

Características

Número de páginas: 265
Edição: 1(2020)
Formato: A5 148x210
ISBN: 978-65-000-7892-3
Coloração: Preto e branco
Acabamento: Brochura c/ orelha
Tipo de papel: Offset 90g

Livros com menos de 70 páginas são grampeados; livros com 70 ou mais páginas tem lombada quadrada; livros com 80 ou mais páginas tem texto na lombada.




Comentários (0 comentários)

Deixe seu comentário:

Nome

Email (não será publicado na página)

Comentário

Fale com o autor

*Seu nome

*Seu email

*Mensagem


SEGURANÇA

Selo_norton

FORMAS DE PAGAMENTO

Boleto Bancário Itaú Transferência online Banco do Brasil Transferência online Bradesco Transferência online Itaú Cartão Visa Cartão MasterCard Cartão American Express Cartão Diners Cartão Hipercard
Todo o conteúdo dos livros é de exclusiva responsabilidade de seus autores, sem nenhum tipo de responsabilidade editorial da AgBook, responsável unicamente pela comercialização e entrega.